O que é o Linux?

Linux é um Sistema Operacional livre criado por uma comunidade de desenvolvedores de código aberto. Linux serve como uma alternativa para os já conhecidos Windows ou OS/X. Diferente desses sistemas, o Linux é um projeto de muitas fontes onde qualquer um pode altera-lo.

Tecnicamente, Linux é um “kernel”, ou o componente principal de um Sistema Operacional. O sistema pode ser instalado junto do Windows e compartilhar o HD. Enquanto outros Sistemas Operacionais protegem seu código de alterações externas, o Linux pede por alterações externas. O Linux desenvolveu características que foram eventualmente adotadas pela maioria dos Sistemas Operacionais.

Linux é baseado no antigo Sistema Unix, que usa o princípio de design modular. Neste tipo de sistema, o SO disponibiliza ferramentas simples, enquanto shell scripting e linguagem de comandos combinam-se para realizar os mais complexo fluxos de trabalho. O Linux suporta um bom número de linguagens de programação, incluindo PHP, Perl, Ruby, Python e outras. Esta diversidade da ao desenvolvedor a liberdade de escrever seu código na linguagem que ele achar mais confortável.

Linux permite o modelo de desenvolvimento livre e de código aberto. A compra não é necessária para distribuir ou modificar o Linux. Atualmente, mais de 300 versões modificadas do Linux estão disponíveis, com novas versões continuamente sendo criadas. Uma das mais populares é o Debian e o Redhat, cada um com suas sub versões. Embora tenha sido desenvolvimento originalmente para computadores Intel, Linux tem sido frequentemente portado, e alterado para todas as plataformas. Mais de 95% dos 500 computadores mais rápidos do mundo usam uma versão do Linux.

O uso do Linux tem tido um baixo crescimento desde a última década, mas uma nova geração de desenvolvedores possui em suas mãos o sistema, gerando a expectativa de novos usuários.

Quem usa Linux e por quê?

Desde seu inicio, o mercado tem usado o Linux intensivamente em seus servidores. Linux também é usado por muitas corporações como plataforma para seus empregados, com soluções comerciais disponíveis como o Red Hat Enterprise Linux, SUSE Linux Enterprise Desktop e Ubuntu. Muitos comércios, organizações governamentais e sem fim lucrativo (chamados de adeptos do Linux) utilizam alguma versão do Linux, incluindo a Casa Branca, o Departamento de Defesa Americano e a Wikipédia.

Em 2013, a Valve divulgou que portaria alguns títulos para o Linux, permitindo que diversos jogos populares fossem possíveis de ser executados neste Sistema Operacional. A Valve também anunciou que seu futuro console de games, a Steam Machine, por padrão virá com SteamOS, um Sistema Operacional baseado no kernel Linux.

Usuários de Desktop com Linux são normalmente aqueles que valorizam um sistema aberto e valorizam o desempenho, segurança e a experiência de um Software de código aberto. Linux pode não ser o SO mais polido, mas esta na vanguarda da inovação. Se existe uma falha de segurança, desenvolvedores normalmente liberam uma atualização em um dia. Em vez de esperar meses por um pacote atualizações, usuários Linux recebem atualizações regulares com novas tecnologias assim que disponíveis. Além de tudo isso, o Linux é grátis e suporta uma cultura de colaboração mundial.

Quais são as mais populares distribuições do Linux?

Enquanto todos eles possuem o kernel Linux em comum, vários distribuidores Linux montam seus próprios Sistemas Operacionais em cima de uma base em código aberto. Distribuidores Linux, conhecidos como “distros”, possuem uma gama de particularidades e características. Ubuntu é o mais popular SO grátis do mundo, e o com a maior área de distribuição. Ubuntu lidera uma lista de distribuições, que inclui Fedora, SUSE e Mandriva. No espiríto do desenvolvimento de código aberto, alguns distribuidores são de comunidades independentes e não recebem qualquer suporte financeiro. Debian, Slackware, Gentoo e Arch Linux são algumas das comunidades que se destacam.

A distribuição é dirigida pela comunidade de usuários que suporta o desenvolvimento de software em código aberto e de comunal inovação. Linux, uma alternativa para os já conhecidos Sistemas Operacionais Windows e OS X, confia em uma comunidade de desenvolvedores para criar software e melhorar a experiência computacional. Usuários Linux recebem atualizações regulares que melhoram seus programas. Com uma coleção de grandes mentes trabalhando juntas, Linux entrega um dos mais inovadores Softwares da atualidade.

Conforme mais popular estas distribuições se tornam, mais usuários vão dar uma chance ao sistema. Com liberdade do código aberto e a energia de uma legião de desenvolvedores, Linux segue rumo as inovações da computação

Quais laptops Lenovo são certificados para rodar Linux?

A linha de computadores Desktop, laptops e servidores possuem um número de dispositivos que suportam o Sistema Operacional. Se você esta procurando por um laptop, um número de modelos suportam várias formas deste software de código aberto. Para mais informações sobre modelos em específico que suportam o Linux, veja a página Lenovo de Linux.

Uma robusta seleção de servidores suporta o Linux. Cerca de seis servidores Lenovo suportam Ubuntu.

Usuários Linux se beneficiam de uma unida comunidade de desenvolvedores que colaboram para criar algumas das mais inovadoras funções do mercado. Em vez de esperar por atualizações, usuários Linux recebem atualizações e melhoras regulares de seus aplicativos. Esta linha Lenovo suporta a filosofia de código aberto. Você sendo um desenvolvedor ou usuário leal, desktops com sistema Linux, laptops e servidores vão se beneficiar de qualquer inovação apresentada.

Comprar produtos relacionados

Ver Garantia & Informações
X
Preços base São Paulo para Pessoas Físicas e Pessoas Jurídicas Não Contribuintes.
Os vídeos, as fotos e as imagens divulgadas são meramente ilustrativas.
Parcelamento válido somente para compras acima de R$100,00 com os cartões de crédito Visa e Mastercard.
A Lenovo se reserva o direito de cancelar qualquer compra caso não tenha disponibilidade em estoque.
O limite de compras é de cinco unidades por cliente (Nome, e-mail, CPF ou CNPJ) no período de 3 meses. A Lenovo reserva-se o direito de não fazer a venda se os itens do pedido forem destinados para revenda.
O prazo de entrega deve ser considerado somente após a confirmação do pagamento.
Os produtos quando disponibilizados na página do Outlet não são elegíveis a troca e estão sujeitos a disponibilidade de estoque.
Serviço de atendimento ao Cliente – Grande São Paulo: (11) 3140-0500; Demais Regiões: 0800-885-0500
Horário de Atendimento: de segunda à sexta das 8:00 às 20:00 horas e aos sábados das 8:00 às 14:00 horas (exceto feriados nacionais).
Empresa beneficiada pela Legislação de Informática.
Lenovo Tecnologia Brasil Ltda - CNPJ: 07.275.920/0001-61
Rodovia Senador José Ermirio de Moraes, S/N, KM 11 – Itu/SP - CEP: 13300-000
Geral:
Veja as principais informações fornecidas pela Microsoft® que podem se aplicar a sua compra do sistema, incluindo detalhes sobre o Windows 10, Windows 8, Windows 7 e potenciais upgrades e downgrades. A Lenovo não faz nenhuma representação ou dá garantia em relação a produtos ou serviços de terceiros.
Alteração na tributação ICMS:
O preço informado tem como referência o Estado de São Paulo. O preço final aplicável a cada venda pode variar dentro do Brasil, de acordo com o Estado em que estiver localizado o adquirente do produto, em razão da alteração promovida pela Emenda Constitucional n° 87/2015 sobre o ICMS incidente em operações interestaduais