Notícias

A Lenovo aumentará sua presença internacional com novas plantas de fabricação no México e na Índia.

   

RESEARCH TRIANGLE PARK, CIDADE DO MÉXICO E NOVA DELI, ÍNDIA, 26 de julho de 2007 – Lenovo anunciou hoje que a companhia abrirá duas plantas de fabricação e centros operacionais de última geração em Monterrei, México e em Baddi, Himachal Pradesh, na Índia. Cada uma dessas instalações será o suporte para os clientes da região a respeito da montagem e configuração de produtos, serviços de distribuição e logística - além de serviços de valor agregado adicionais – para satisfazer a demanda de produtos Lenovo nestes mercados de vital importância econômica.

Espera-se que a planta em Baddi comece suas operações no terceiro trimestre de 2007, enquanto a de Monterrei abrirá suas portas em meados de 2008. Essas novas plantas permitirão que a Lenovo incremente significativamente sua capacidade de produção global quanto a computadores da marca Think e Lenovo.

O valor total dessa combinação de investimentos é estimado em mais de $30 milhões, incluindo os custos de construção, ferramentas, salários, taxas e outras contribuições adicionais para as economias locais, regionais e nacionais.

“Essas plantas são um investimento para o futuro da Lenovo que alavanca nossa base de fabricação de excelência mundial na China e a estende para o resto do mundo para satisfazer a demanda dos produtos Lenovo em áreas de importante oportunidade comercial,” disse Gerry P. Smith, vice-presidente sênior da Cadeia de Fornecimento Mundial da Lenovo. “Este anúncio, junto com as novas instalações recentemente anunciadas em Shanghai, China, e Whitsett, Carolina do Norte, ajudarão a melhorar nossa competitividade e a estrutura de custos além de acelerar nossa capacidade para alcançar novos mercados e segmentos de consumidores.

“Além disso, estamos procurando locais na Europa Central e do Leste, e antecipamos que, em breve, anunciaremos a abertura de instalações de característica similar em consoância com o que estamos informando hoje,” disse Smith.

Na atualidade, a Lenovo possui plantas de fabricação em Pequim, Huiyang, Shanghai e Shenzhen, na China, e também em Pondicherry, na Índia.

A planta de Monterrei, planificada em 260.000 pés quadrados (24.155 metros quadrados) terá uma capacidade de produção de cinco milhões de computadores quando começar a funcionar em meados de 2008, empregando ao redor de 750 funcionários. A planta fornecerá computadores aos clientes na região das Américas e ela representa o maior investimento feito pela Lenovo até agora fora da China.

A planta de Baddi será a primeira em abrir suas portas, com uma capacidade limitada de produção, disponível para setembro de 2007, destinada ao crescente mercado indiano. Com uma capacidade anual de dois milhões de unidades, a planta, no início, terá um superfície de 130.000 pés quadrados (12.077 metros quadrados), e empregará ao redor de 350 pessoas.

Sobre a Lenovo Group Ltd. Lenovo (HKSE: 992)(ADR: LNVGY) se dedica a fabricar os computadores pessoais melhor projetados do mundo. O modelo de negócios da Lenovo se baseia na inovação, na eficiência operacional e na satisfação do cliente, bem como em um enfoque em investimentos em mercados emergentes. Formada pela aquisição da antiga Divisão de Computação Pessoal da IBM, a Lenovo Group desenvolve, fabrica e comercializa mundialmente produtos e serviços de tecnologia confiáveis, de alta qualidade, seguros e fáceis de usar. A Lenovo possui importantes centros de pesquisa em Yamato, Japão; em Beijing e Shenzhen, na China; e em Raleigh, Carolina do Norte. Para mais informações, visite www.lenovo.com .